No mês de novembro, a Prefeitura Municipal de Seropédica com o apoio da Secretaria Municipal de Ambiente e Agronegócios, participaram efetivamente da segunda e última etapa da vacinação do rebanho bovino e bubalino contra a febre aftosa do ano de 2017. Nesta segunda etapa foram vacinados o rebanho até 2 anos de idade, diferente da primeira etapa que ocorreu em Maio, onde todo o rebanho foi vacinado.

 Nessas 2 etapas a vacinação contou com a fiscalização do estado, esteve presente um fiscal dando legalidade e legitimidade à atividade.

Além do bem-estar animal, a febre aftosa produz um grande impacto tanto para o comércio interno quanto o externo de animais e seus produtos. Países com a ocorrência da doença sofrem com barreiras impostas por países compradores à entrada de animais da região atingida pelo foco da doença. O ministério alerta que as consequências econômicas e sociais desse impedimento comercial têm reflexos negativos em toda a economia nacional.

Em maio, na primeira etapa de vacinação, foram vacinados 98,28% dos animais, 192,1 milhões de cabeças de um total de 195,4 milhões em todo país. Quase todas as unidades federativas já estão livres da doença: Amazonas e Amapá vão receber o reconhecimento da pasta em breve. A meta é fortalecer o Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária (Suasa) e retirar a imunização contra a febre aftosa até 2023.

 

Faça o seu comentário