Mudanças começam em maio. Recurso “Status” vai disparar avisos

O WhatsApp anunciou na 5ª feira (18.fev.2021) que voltará a exibir avisos sobre as alteração nos termos do serviço. Segundo comunicado, o aplicativo continuará enviando “lembretes para que todos possam ler e aceitar as atualizações”.

A medida faz parte da nova política de privacidade, que prevê o compartilhamento de dados com o Facebook, empresa dona do aplicativo, e o lançamento da opção de compras dentro do app, similar ao que o Instagram oferece. Entraria em vigor no dia 8 de fevereiro, mas foi adiada para 15 de maio.

O WhatsApp afirmou que as “conversas pessoais serão sempre protegidas com a criptografia de ponta a ponta e, por isso, não podemos ler nem ouvir seu conteúdo”.  Na próxima semana, os usuários receberão avisos informando que terão mais tempo para ler as novas regras e “mais informações para ajudar a esclarecer algumas dúvidas”.

A nova política deverá ser aceita pelo usuário e, caso este recuse, terá sua conta bloqueada no aplicativo de conversas.

“Entendemos que algumas pessoas podem querer testar os serviços oferecidos por outros aplicativos de mensagens e sabemos que alguns dos nossos concorrentes afirmam que não podem ler as conversas de seus usuários. Nós acreditamos que as pessoas estão buscando um aplicativo que seja seguro e confiável, mesmo que para isso seja necessário que o WhatsApp tenha acesso a dados limitados”, disse o app.

O app passará a usar o recurso Status “para compartilhar nossos princípios e atualizações”

 

Fonte: Poder 360