Você sabe o que é uma EQM (Experiência de Quase Morte)?

0
331

“Quando cheguei lá em cima, perto do teto, quando estava bem próximo da luminária, e eu lembro, uma luminária de luz fria, com uma luz apagada e duas acesas, eu cheguei bem próximo, e virei rapidamente e me vi deitado na cama”, revelou Fernando Sardinha.

Fernando Sardinha, uma lenda do fisiculturismo brasileiro
Fernando Sardinha, uma lenda do fisiculturismo brasileiro

Fernando Sardinha, 52 anos, atleta profissional de fisiculturismo em uma entrevista no Podcast Inteligência LTDA do humorista Rogério Vilela, confessou que teve a experiencia de quase morte (EQM).

Após alguns dias de preparação para um campeonato, o seu corpo acabou reagindo de uma forma inesperada à preparação, e como consequência o atleta desenvolveu hipercalemia, onde os níveis de potássio no corpo ficam extremamente elevados, e o corpo passa a funcionar de forma totalmente desregulada.

Já na Unidade de Saúde, tomando insulina e glicose no sangue para reverter o quadro de hipercalemia, Sardinha teve 5 mortes súbitas, e entre as mortes súbitas, ele teve a experiência da EQM. Em um intervalo de 12 horas, teve incríveis 5 mortes súbitas.

“Senti que estava subindo, vi o teto se aproximando. Na minha cabeça, juro por Deus, eu pensava comigo: Eu morri.”, revelou Sardinha na entrevista.

“Aquela coisa de passar a vida pela cabeça?”, pergunta Rogério à Sardinha. “Pra Cara…, muito, com força! Lembrava de coisas minuciosas.”, responde Sardinha.

Sardinha revela que no momento pensou bastante na filha que na época era criança.

“Quando cheguei lá em cima, perto do teto, quando estava bem próximo da luminária, e eu lembro, uma luminária de luz fria, com uma luz apagada e duas acesas, eu cheguei bem próximo, e virei rapidamente e me vi deitado na cama”, revelou Fernando Sardinha.

Sardinha conta que chegou a tomar 4 comprimidos de furosemida de 40mg no mesmo dia, algo que é fora do normal, mas que foi necessário devido ao seu quadro clínico.

A cardiologista revelou para ele que nunca viu alguma pessoa sobreviver com 7.2 mmol/L de potássio no sangue, Sardinha estava com 8.4 mmol/L. Os médicos revelaram que as veias de retorno do corpo de Sardinha salvaram a sua vida, por serem veias bem desenvolvidas por conta da prática da musculação.

Fernando Sardinha atualmente é o fisiculturista do Brasil que mais tem títulos, nacionais e internacionais. Ao todo, são 148 troféus, 141 competições, 98 títulos e 132 medalhas na carreira

A seguir voce pode assistir ao trecho da entrevista onde o atleta revelou sua experiência de quase morte (EQM)

EQM – Experiência de quase morte: o que dizem os relatos?

Graças à tecnologia e à evolução da medicina, quando o coração para de bater, não significa que a pessoa está definitivamente morta. É nesse breve momento que a pessoa pode ter uma experiência de quase morte (EQM), instantes antes de ser reanimada.

Neste artigo, vamos falar sobre como acontece a EQM, quais são as semelhanças entre os relatos – e o que diz a ciência sobre esses fatos. Então, continue a leitura e confira mais sobre esse assunto tão interessante!

O que é uma EQM (experiência de quase morte)?

Uma EQM é quando a pessoa se vê viva após ser considerada clinicamente morta. Dessa forma, ela acontece durante o tempo em que o coração pára de bombear sangue e o cérebro se “desliga”. Esse tempo é breve e, após 10 minutos sem receber sangue, as células do cérebro morrem e a pessoa é tida como morta.

Durante esse período, nada impede que a pessoa tenha experiências em que ainda se vê viva. Acima de tudo, é uma consciência transcendental, que vai além do que a ciência consegue explicar. Aliás, esse é um tema bastante controverso no meio científico, como vamos explicar mais à frente.

Quais são as semelhanças entre os relatos?

Pesquisadores afirmam que existe um padrão nas vivências das pessoas que viveram uma experiência de quase morte. Pacientes que tiveram essa consciência transcendental relatam alguns acontecimentos em comum, tais como:

  • Projeção do corpo: sensação de se ver fora do corpo, enxergando tudo o que acontece à sua volta.
  • Movimento em um túnel: a pessoa sente que atravessa um túnel sem começo ou fim, que a leva a outra dimensão.
  • Visão de luz: sensação de ser atraído por uma luz branca, dourada ou refletida.
  • Sensação de paz e serenidade: a pessoa se sente em paz, sem medo da morte.
  • Encontro com pessoas falecidas: sejam elas conhecidas ou não, além de entidades e seres de luz.

O que a ciência diz sobre as EQM

Como dissemos, a ciência tem opiniões conflitantes quando o assunto é quase morte. Afinal, há uma certa dificuldade para acreditar na possibilidade de vida após a morte. Mas cerca de 15% dos pacientes que sobreviveram a uma parada cardíaca relataram EQM – um número muito significativo para ignorar.

Algumas explicações para essas experiências têm origem na neuroquímica do próprio cérebro. Assim, segundo os cientistas, as EQM nada mais são do que estímulos de neurotransmissores como endorfina e outros hormônios, que oferecem a sensação de alívio da dor e estresse.

De acordo com os estudos, o cérebro se torna muito mais ativo (as chamadas ondas cerebrais) no momento da morte. Assim, a consciência se eleva e a pessoa pode ter alucinações. O baixo nível de oxigênio, causado pela ausência de batimentos cardíacos, também contribui para algumas características das experiências de quase morte.

A vida depois de uma EQM

Seja qual for a explicação (científica ou espiritual) para as EQM, o fato é que a maioria das pessoas que tiveram essa vivência voltam diferentes. Elas retornam desprendidas em relação ao mundo material, entendendo que a vida vai além de símbolos de status e dinheiro.

Além disso, o medo de morrer também quase desaparece – e a pessoa passa a viver a vida em todo o seu potencial. Com a consciência da finitude, torna-se mais fácil aproveitar o hoje.

Neste artigo, falamos sobre como acontecem as EQM (experiências de quase morte) e quais são as suas características. Por isso, qualquer que seja a explicação para esses eventos, eles existem e podem nos ensinar muitas coisas.

Fontes: Viva Mais Plan, Canal Inteligência LTDA (Youtube)