Orientações da Prefeitura de Seropédica sobre a Vacinação Covid-19 Mês de Outubro

0
55

Até o final de outubro, os postos de vacinação estarão aplicando a 1ª dose em maiores de 12 anos que ainda não tenham sido vacinados.

A 2ª dose de TODAS AS VACINAS está sendo oferecida nos postos de vacinação:

ASTRAZENECA – INTERVALO DE 08 SEMANAS DA 1ª DOSE

PFIZER – INTERVALO DE 8 SEMANAS DA 1ª DOSE

CORONAVAC – ENTRE 21 A 28 DIAS DE INTERVALO DA 1ª DOSE 

  • A Dose de Reforço será destinada aos idosos que receberam a segunda aplicação ou dose única, há pelo menos, 6 meses. Pessoas acima de 60 anos que tomaram a 2ª dose até 31 de março já podem se vacinar!

Pessoas com alto grau de imunossupressão (mediante comprovação) com 12 anos ou mais – A Dose de Reforço será destinada aos que receberam a segunda aplicação, ou dose única do imunizante, há pelo menos, 28 dias. Devem apresentar comprovante de vacinação, documento de identificação e laudo médico recente (inferior a 90 dias)

Documentos necessários para a segunda dose e dose de reforço

– Documento de identidade, número do CPF e, se possível, a caderneta de vacinação.

– É fundamental levar também o comprovante de vacinação da primeira dose.

Dose de reforço:

Serão vacinados:

  1. Idosos residentes em instituições de longa permanência (ILPI) nas próprias instituições.
  2. Demais idosos, tendo pelo menos 6 meses de intervalo entre a segunda dose ou dose única e a dose de reforço.
  3. Pessoas com alto grau de imunossupressão (mediante comprovação), tendo pelo menos 28 dias de intervalo entre a segunda dose ou dose única e a dose de reforço.

Pessoas com alto grau de imunossupressão:

  • Imunodeficiência primária grave
  • Quimioterapia para câncer
  • Transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) em uso de drogas imunossupressoras
  • Pessoas vivendo com HIV/Aids
  • Uso de corticoide em doses ≥ 20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por ≥ 14 dias
  • Uso de drogas modificadoras da resposta imune
  • Auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias.
  • Pacientes em hemodiálise
  • Pacientes com doença imunomediadas inflamatórias crônicas

Isa Barcelos

Coordenadora Programa de Imunização

Prefeitura de Seropédica