‘Já chorei tanto que nem tenho mais o que chorar’, diz outro filho do casal assassinado

 
Fonte: O DIA