Diante dos constantes casos de violência dentro do campus da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, em Seropédica, estudantes da instituição marcaram para quinta,22, uma manifestação na Universidade cobrando mais segurança. Também foi criada uma petição pública na internet, pela plataforma Avaaz, endereçada ao Senado Federal, pedindo intervenção federal na UFFRJ.

O caso mais recente aconteceu ontem,20. Há relatos de que uma estudante teria sido vítima de tentativa de estupro dentro do campus, por volta das 19h. Outros casos de tentativa de estupro também são relatados num grupo que reúne 13 mil estudantes da UFRRJ no Facebook.

Insegurança

Com um dos maiores campus da Amércia Latina, a UFRRJ tem, segundo seu portal, cerca de 18 mil estudantes divididos em três campus. A segurança é feita por agentes da Guarda Universitária, que recebe críticas por parte dos alunos, pelo tamanho do efetivo e demora no atendimento das ocorrências.

Depois de novos relatos de violência e manifestação programada para amanhã,22, A Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) lançou na tarde desta quarta, 21, um comunicado à imprensa sobre a insegurança no campus de Seropédica.

Na nota, a UFRRJ diz estar ciente do aumento da violência na região, consequentemente em Seropédica e na universidade, mas pontua que há “muita especulação e desinformação, que são fomentadas nas redes sociais”. A Universidade afirma que algumas medidas já foram tomadas, como a intensificação das rondas internas, feitas pela Guarda Universitária, e no entorno da universidade, feitas pela Polícia Militar.

Ainda de acordo com a nota, a reitora da UFRRJ, professora Ana Maria Dantas, que está em Brasília, e pediu hoje ao Ministério da Educação (MEC) recursos para contratação de uma empresa de segurança privada para trabalhar no controle de acesso ao campus.

Dados oficiais indicam um estupro a cada 12 dias em Seropédica

Segundo dados do Instituto de Segurança Pública (ISP), do Governo do Estado, foram registrados no ano passado 29 casos de estupros em Seropédica . Apesar de alto, o número de estupros em 2012 foi bem maior: 45.

Fonte Jornal O FOCO  por Jack de Carvalho (Jornalista)

Publicação Facebook

 http://migre.me/jiqAi http://migre.me/jiqGP

1850825