Rafael Carioca já venceu uma Copa do Brasil com o Atlético e agora deseja ganhar o Mineiro

Rafael Carioca já venceu uma Copa do Brasil com o Atlético e agora deseja ganhar o Mineiro

Quase todos jogadores do elenco do Atlético-MG têm títulos importantes ao longo das respectivas carreiras. Embora alguns atletas já tenham vencido a Recopa Sul-Americana e a Copa do Brasil, vencer uma competição estadual ainda é uma novidade. Na verdade mais de um time, quase metade do grupo e jogadores, entre os 34 que estão na pré-temporada alvinegra, jamais venceu uma competição regional.

Uilson, Cleiton, Tiago, Jesiel, Douglas Santos, Emerson Conceição, Pedro Botelho, Eduardo, Lucas Cândido, Rafael Carioca, Danilo Pires, Dodô, Carlos, Cesinha, Pratto e Marion são os atleticanos que ainda buscam o primeiro título estadual da carreira. Em alguns casos chega até ser óbvio, como o argentino Lucas Pratto, que está pela primeira vez no futebol brasileiro.

Já em outros casos chega a ser surpreendente, como é com o volante Rafael Carioca. Apesar das boas passagens por Grêmio e Vasco, o jogador jamais conquistou qualquer estadual. Ele lembra que em 2010 esteve perto de conseguir, quando o Vasco perdeu a final da Taça Guanabara para o Botafogo. Então, vencer o Campeonato Mineiro é o primeiro passo para o Atlético ter uma temporada bastante vitoriosa.

“Título é título, é sempre bem-vindo. Não vamos priorizar nenhuma competição, por isso o Levir deixou o elenco é grande. Ele vai precisar de todo mundo. Libertadores, Brasileiro e a Copa do Brasil são importantes, mas o Mineiro também é, até para começar o ano com o pé direito”, comentou o volante que tem apenas 13 jogos pelo Atlético e um título, o da Copa do Brasil do ano passado.

Se 16 jogadores do Atlético jamais venceram qualquer título estadual, esse número sobe para 19 quando o assunto é o Campeonato Mineiro. O lateral-direito Patric, o zagueiro Emerson e o meia Dátolo venceram competições estaduais por outras equipes, mas ainda não conseguiram vencer a disputa mineira.

Outro fator que dá maior peso à competição em Minas Gerais é a rivalidade com o Cruzeiro. Ninguém quer perder o título para o rival. E depois de vencer a equipe cruzeirense na decisão da Copa do Brasil de 2014, os jogadores atleticanos esperam encontrar ainda mais dificuldade nos duelos de 2015. “O Campeonato Minério ninguém quer perder. A rivalidade é muito grande. Como ganhamos um título em cima deles, eles vão vir com mais vontade em cima da gente”, observou Rafael Carioca.

A estreia do Atlético no Mineiro vai ser contra o Tupi, neste domingo (1/2), às 17h, no Independência. Já o duelo mais aguardado da primeira fase, o clássico com o Cruzeiro, está marcado para o dia 8/3, às 16h, no Mineirão. Vai ser o primeiro encontro depois da histórica decisão da Copa do Brasil.

 

Faça o seu comentário