Como acontece todos os anos, a Feirinha do Braz como é conhecida, vem a Seropédica vender seus produtos a um preço muito baixo prejudicando o comercio local que emprega moradores do município.

Esta disputa desleal prejudica todo comercio de Seropédica, obrigando os comerciantes a fecharem suas portas, como também demitir seus funcionários. Enquanto o comercio local paga seus impostos e gera receita para o município, fazendo que o dinheiro circule pela cidade, gerando mais empregos e renda, o comercio clandestino tira o dinheiro da cidade enriquecendo outro município.

Quando o morador compra um produto e não serve, ele pode voltar na loja e troca-lo, agora quem compra na feirinha nunca poderá trocar, disse a Sra. Maria Teixeira. Muitas feiras que são realizadas no Brasil os produtos não tem em sua totalidade nota fiscal, e os produtos veem de fonte duvidosa.

 O Secretário de Segurança e Ordem Pública de Seropédica, Diego Campos Gonzalez, falou que soube através do Facebook que haveria esta feira. Imediatamente enviou a equipe de fiscalização para ver se havia alguma autorização para realização deste evento, diante da negativa, o Secretário solicitou seu embargo, e comunicou ao Prefeito Anabal.

No mesmo momento, comerciantes do município, estavam reunidos com o Prefeito Anabal, solicitando que não deixa-se realizar a feira. Os comerciantes se colocaram totalmente contra a realização deste tipo de evento na cidade, pois prejudica diretamente o comercio local que gera emprego e recolhe impostos no município.

 

 

Edição de matérias sobre Seropédica e atualidades.

Faça o seu comentário