Temperaturas permanecerão amenas, com máxima prevista de 27°C

Rio – Após a constante chuva que castigou o Rio, o município segue em estágio de crise e a previsão é de chuva fraca a moderada isolada, podendo ser forte em curtos períodos de tempo, na noite desta sexta-feira. Já no sábado, há previsão de pancadas de chuva, com intensidade moderada a forte a partir da tarde. Ventos também poderão ser fortes.

De acordo com o Centro de Operações Rio (COR), o município estava em estágio de atenção desde as 10h55, devido ao bloqueio do Túnel Rebouças, após um acidente, e as ocorrências relacionadas a chuva. Às 12h35, após um desabamento no Túnel Acústico Rafael Mascarenhas, a cidade entrou em estágio de crise.

Por conta dos bloqueios, a Secretaria Municipal de Transportes do Rio informou que as linhas de ônibus partindo do Centro em direção à Zona Oeste, que normalmente têm trajeto pelo Túnel Acústico, estão seguindo através da comunidade da Rocinha para escoar a demanda no metrô no Jardim Oceânico.
Para os passageiros que precisam retornar à Zona Sul, as únicas opções no momento são a Linha Amarela, via centro da cidade, e o metrô. Além disso, o órgão da prefeitura afirma que o serviço nos corredores do BRT foi reforçado.
Já o MetrôRio anunciou que ampliará o horário de funcionamento das linhas nesta sexta-feira. A operação das linhas 1,2 e 4 será estendida até as 2h da madrugada de sábado.
Em caso de crise, prefeitura recomenda as seguintes ações:
. Somente se desloque em caso de extrema necessidade;
. Evite andar ou dirigir em ruas alagadas;
. Em pontos de alagamento, evite contato direto com postes ou equipamentos que possam estar energizados;
. Evite o contato com a água de alagamentos. A água pode estar contaminada e oferecer riscos à saúde;
. Verifique se há sinais de rachaduras em sua residência. Ao perceber trincas ou abalo na estrutura, acione a . Defesa Civil Municipal pelo número 199 e evite ficar em casa;
. Moradores de áreas de risco precisam ficar atentos aos alertas sonoros. O acionamento das sirenes indica perigo de deslizamento. As pessoas devem se deslocar para os pontos de apoio estabelecidos pela Defesa Civil Municipal. Os locais são informados pelo número 199;
. Fique atento às informações divulgadas pelos veículos de comunicação;
. Se necessário, use os telefones de emergência 193 (Corpo de Bombeiros), 199 (Defesa Civil) ou 1746 (Central de Atendimento da Prefeitura);
. Mais informações sobre os estágios do Alerta Rio no site: http://www.sistema-alerta-rio.com.br/
Fonte: O DIA

Faça o seu comentário