A aplicação utilizada usa a câmara traseira do smartphone para mostrar a imagem a cada olho com sensação de profundidade, veja o vídeo abaixo

realidade virtual

Entre as muitas finalidades da realidade virtual, além do entretenimento, é possível encontrar aplicações para a tecnologia que realmente mudam a vida de alguém, neste caso em específico de uma mulher chamada Bonny.

Conta o Android Headlines que esta mulher sofre de uma doença degenerativa que faz com que deixe de ver, não com completa cegueira, mas o suficiente para ter deixado de ver rostos há uns anos. Porém Bonny teve uma nova esperança com o Cardboard VR da Google, através da aplicação Near Sighted VR Augmented Aid.

Esta aplicação usa a câmara traseira do smartphone para dar a quem utiliza o Cardboard uma visão em cada olho do que se passa à sua frente, com a imagem a ser mostrada de forma a dar uma ilusão de profundidade estereoscópica. Graças a esta aplicação, e ao extremamente barato Cardboard VR, Bony conseguiu recuperar grande parte da visão, o suficiente para voltar a ver a cara dos filhos.