O homem que chegou a ser considerado foragido estava escondido na cidade de Francisco Morato, São Paulo

Foi preso pela Polícia Civil de São Paulo, na noite da última quarta-feira, o supervisor de segurança David Vargas dos Santos, acusado de torturar a filha, de apenas 3 anos. As imagens que foram gravadas pela mãe da menina, no dia 15 de dezembro, e entregues à polícia, mostram o momento em que a pequena é duramente agredida com um cinto.

O vídeo foi filmado pela mãe e tem imagens fortes:

O homem se escondeu na cidade de Francisco Morato, em São Paulo, e foi capturado após uma denúncia anônima. A Justiça decretou a prisão do pai após pedido da delegada Marilda de Jesus Reis Romani e, poucas horas depois, oficiais localizaram o homem, que chegou a ser considerado foragido.

O vídeo que mobilizou as redes sociais de todo o país, tinha aproximadamente 20 segundos, com imagens fortes: a menina chora enquanto pede ao pai, que avança sobre ela agressivamente, que não a agrida. “Não”, grita a pequena várias vezes, desesperada.

O pai não se comove e golpeia a menina com um cinto por 12 vezes, enquanto a mãe filma a cena, sem se deixar coagir pelo homem.

Polícia prende pai acusado de torturar a filha de 3 anos em vídeo
Reprodução/TV

Polícia prende pai acusado de torturar a filha de 3 anos em vídeo

Fonte: ODia