Operação Lava Jato investiga esquema bilionário de lavagem de dinheiro em São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal

A Polícia Federal iniciou desde a madrugada desta segunda-feira (4), o cumprimento de mandados referentes a 31ª fase da Operação Lava Jato nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal.

Foram expedidos 35 mandados judiciais, sendo quatro de prisão temporária, um de preventiva, 23 de busca e apreensão, além de sete conduções coercitivas, que é quando a pessoa é levada para prestar depoimento. A ação foi batizada pela PF de “Abismo”.

A operação investiga crimes como organização criminosa, cartel, fraudes licitatórias, corrupção e lavagem de dinheiro oriundo de contratos da Petrobras, em especial do contrato celebrado pelo Consórcio Novo Cenpes para a construção do Centro de Pesquisas e Desenvolvimento Leopoldo Américo Miguez de Mello (Cenpes), no RJ.

De acordo com a reportagem do portal G1, o alvo desta fase da operação é um esquema bilionário de lavagem de dinheiro. O esquema investigado no Cenpes envolve R$ 39 milhões em pagamentos de propina para a diretoria de Serviços da Petrobras e para o PT.

policia federal

Faça o seu comentário