Produtos foram avaliados em mais de R$ 2 milhões

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Agentes da Força Especial de Controle de Divisas – Operação Foco, ligada à Secretaria de Estado da Casa Civil, com apoio da Secretaria de Estado de Fazenda, apreenderam cerca de 3 toneladas de mercadorias sem nota fiscal. Os produtos pirateados foram avaliados em cerca de R$ 2 milhões de reais. A ação foi realizada pela equipe do posto fiscal de Comendador Levy Gasparian na manhã desta sexta-feira (29/04).

A mercadoria estava em uma carreta que seguia da cidade de Nova Serrana, em Minas Gerais, para o município de Duque de Caxias, no Rio de Janeiro. Entre os produtos pirateados estavam cerca de 4 mil tênis, que estavam misturados a produtos legalizados. Os motoristas foram autuados e o veículo e as mercadorias encaminhados para a Cidade da Polícia.

A carreta deu entrada em nosso posto e apresentou uma documentação regular. Mas os agentes desconfiaram e durante a vistoria encontraram os produtos irregulares, sem nota fiscal, no fundo do veículo. Além da grande apreensão de hoje, realizamos um trabalho constante de monitoramento e coleta de informações das polícias para coibir esse tipo de crime fiscal“, disse o subsecretário especial de Controle de Divisas, Coronel Eduardo Castelano.

A Operação Foco atua para coibir a evasão de ativos, fiscalizar as divisas do Estado do Rio e reprimir o crime e a entrada de armas, drogas e produtos contrabandeados em território fluminense. O programa é realizado de maneira volante em vários pontos de entrada do estado, e também mantém, em conjunto com a Secretaria de Fazenda, a fiscalização nos cinco postos fixos de Itatiaia, Comendador Levy Gasparian, Campos dos Goytacazes, Angra dos Reis e Itaperuna.

Foto: Diário do Rio