As autoridades vão investigar um possível crime de corrupção passiva por parte dos deputados e corrupção ativa por parte dos empresários

O ministro da Justiça, Eugênio Aragão, mandou a Polícia Federal investigar se deputados a favor do impeachment viajaram a Brasília para a votação na sessão de apreciação em jatinhos particulares bancados por empresários.

Segundo o jornalista Lauro Jardim, do jornal O Globo, as autoridades vão investigar um possível crime de corrupção passiva por parte dos deputados e corrupção ativa por parte dos empresários.

policia federal

Faça o seu comentário