Neste último dia 28/06 Seropédica foi tomada por manifestações em vários Bairros do Município.

Os manifestantes reivindicaram o passe livre para estudantes, idosos e desempregados, a retirado de dois Pedágios que cortam o município no meio, prejudicando o ir e vir da população, saúde e saneamento básico.

Um dos manifestantes, o morador Jonatan oliveira Brito do Bairro São Miguel falou que: “Depois que colocaram o segundo Pedágio na BR 465 (Antiga Estrada Rio São Paulo) nós ficamos ilhados, e o nosso direito de ir e vir ficou prejudicado, meus amigos e parentes para virem à minha casa tem de pagar o pedágio e tudo ficou mais caro no Bairro porque é embutido o preço do Pedágio no material comercializado, e este pedágio é ilegal” finaliza.

Alguns manifestantes atacaram os prédios públicos, quebraram os pontos de ônibus, atacaram a pedradas a E.M. João Leôncio no Bairro Campo Lindo, onde vinte crianças e uma dezena de senhoras e idosos que vieram acompanhar a aula de Jiu-jitsu dos menores, as crianças ficaram acuadas dentro da Escola, o Professor de Jiu-jitsu Juarez de Souza Oliveira solicitou aos manifestantes que parassem com as pedradas, que poderia ferir quem estava dentro da Escola, “Eu perguntei aos manifestantes porque eles estavam atacando a Escola, e eles não souberam me responder”.

Logo a seguir este grupo seguiu pela BR 465 e atacou o ponto de ônibus quebrando os vidros de proteção contra chuva, foram a até o Posto de Saúde e começaram a apedrejar, mas os Guardas Municipais fizeram uma barreira em frente do posto de saúde e eles desistiram atacando a Subprefeitura do Km 40 amassando as portas e quebrando os vidros do prédio.

A Secretária de Educação Turismo e Esporte Lucia Baroni Martinazzo esteve na Escola para verificar os danos e suspendeu as aulas da Escola Aberta que teria hoje 29/06, para cerca de 100 crianças, aulas de Dança, Jiu-jitsu, Capoeira, Artesanato e Futsal.

Logo a seguir ela foi até a 48 DP de Seropédica prestar queixa dos estragos já que este crime é de depredação de Patrimônio Público, e o Oficial de Cartório Adriano da Delegacia de Polícia fez o registro da ocorrência solicitando perícia para o local.

 

 

Faça o seu comentário