A organização do evento foi do Claudio Mineiro, Moises, Djailson, e Deija, com apoio de Wilson Beserra e Thiago Ribeiro. e o Vereador Waguinho do Emiliano.

O Início da Festa do Peão Boiadeiro foi no sábado (7/9) com Torneio de Laço e a participação de dezenas de cavalheiros que lacavam os novilhos em tempo recorde, com o olhar atento do Juiz Moisés que coordenava os trabalhos e pontuava em cada apresentação.

Antes de terminar o Torneio do Laço, o Forró já corria solto sob o comando do DJ Léozinho, em clima de romance vários casais já ocupavam o espaço do Rancho do Mineiro e mostravam como se dança a verdadeira “Dança Nordestina”, “É um evento que tem a ver com as raízes, da nossa terrinha e muito familiar” comentou o casal Severino e Maria.

Logo no Domingo (8/9) a Cavalgada do Rancho Claudio Mineiro em Seropédica coordenado pelo Wilson Maluco, levou diversos cavaleiros e amazonas para as ruas. Com animação do locutor Kelles Fernandes, em cima do mini Trio Elétrico, a cavalgada cruzou a estrada que liga Itaguaí a Seropédica, saindo do Bairro Chaperó, próximo o Rancho do Boizão e encerrando no Rancho Claudio Mineiro, foi uma grande festa para os amantes da cavalgada com direito a churras e cerveja.

Wilson Beserra comenta que ele apoia todo tipo de competição saudável, “A competição é apenas uma vertente, o esporte influencia a vida saudável, enfim, a prática esportiva ajuda a formar um mundo melhor, com tudo de bom que ele nos traz, como saúde, autoestima, espírito de equipe, objetivos, entre outros atributos que são desenvolvidos durante ao longo da vida.

HISTÓRIA

Há centenas de anos, o homem busca, por um meio de sua inteligência e de seu vigor físico, exercer o domínio sobre os animais, com o intuito de domestica-los. Em alguma pradaria no interior do Texas, existia a figura do cowboy que tangia o gado. O cavalo era seu instrumento de trabalho e com o passar dos anos, foi evoluindo o modo de domar esses animais; alguns cowboys mais ousados puseram-se a montar em touros, e assim, surgiu o rodeio com o homem buscando superar todos os desafios. Criaram-se espetáculos, competições, campeonatos, federações, surgiram juízes, locutores, tropeiros e promotores de eventos, vários profissionais especializados no ramo, que devotam seu tempo e habilidade em dar suporte a este mercado que continua crescendo ao passar do ano pelo mundo.