Por Thais Mesquita

Estamos mesmo em crise!? É o que parte das pessoas costumam dizer e aproveito a oportunidade para explicar que um país inteiro pode estar em ótima fase financeira, mas você se vê endividado e sem saber o que fazer para quitar as dívidas do mês. Eis aí a sua “crise financeira”. Se você é um empresário, provavelmente teve a experiência e deve saber que por vezes as crises econômicas independem de dificuldades financeiras nacionais/ governamentais. O que fazer para melhorar este quadro!? Eis os principais passos:

Primeiro passo: Contas! Exatamente! Precisa tirar um tempo de deu corrido cotidiano para escrever o valor de cada conta e fazer aquele somatório ( Que por vezes pode causar um certo desespero, mas calma!). E aí!? Está além do seu orçamento ou está tranquilo quanto a isso!?

Segundo passo: Planejamento! Todas as dívidas mensais devem ser pagas, mas, se você está na “crise financeira” a ponto de não conseguir quitar todas as contas do mês, priorize as contas essenciais como luz, água e priorize as que tem maiores juros. Quanto às demais, procure por negociações em instituições financeiras. Um dos pontos mais importantes para melhorar as condições financeiras é economiza! Isso mesmo! Tenha em mente que suas economias são para pagar dívidas e comprar o necessário. Pense muito antes de adquirir algo novo. Eu realmente preciso disto agora!?

Terceira etapa: Nada melhor para sair de crises econômicas do que renda extra correto!? Hoje em dia temos várias possibilidades como:
• Vendas do comidas como doces, bolos, sanduíches…
• Seja professor(a) particular. Em sua própria residência pode ensinar música, matemática ou qualquer outro conhecimento que possa compartilhar.
• Seja professor(a) on-line. Basicamente é a mesma prática do tópico anterior, só que virtualmente. Monte slides e vídeos ensinando sobre determinado assunto. Tem várias plataformas digitais para orientar sobre isso.
• Revendedor(a) de produtos.
• Seja Freelancer. Para quem não sabe, nada mais é do que oferecer suas habilidades (tradução de texto, consultorias…) em forma de trabalho avulso e geralmente de forma on-line. Não tem vínculo empregatício e é remunerado por tarefa. Hoje em dia tem vários sites de profissionais que procuram por Freelancer.
• Seja manicure, maquiador(a), cabelereiro(a)… São tantas as possibilidades na área da beleza, mas lembre-ce de que quanto mais aprimorar suas técnicas, mais clientes terá.
• Venda artesanato. Você sabe fazer algo do tipo!? Eis aí sua oportunidade!
São tantas possibilidades que não daria para dizer todas por aqui, mas posso dizer que o segredo para mudar sua situação está em três palavras que precisam ser transformadas em atitude: Planejamento, coragem e Foco! Como toda nova etapa de nossas vidas, o início pode até não ser fácil, mas com persistência, tudo pode ser alcançado! E se vc gostaria de saber mais sobre o assunto ou tiver alguma dúvida, comente aqui em baixo ou entre em contato comigo. Até a próxima semana!

Thaís Mesquita

Thais tem 23 anos, atualmente é professora de Empreendedorismo.
Formada em Administração e em Processos Gerenciais, conta ainda com cursos de Coaching e Programação Neurolinguística, terá uma coluna semanal com o intuito de orientação na carreira profissional.

Duvidas? Entrem em contato com Thaís Mesquita pelos contatos:

E-mail – [email protected]
Pelo Whatsapp 21 998277096
Ou pelo Instagram @cargos.web

Faça o seu comentário