Quem não gosta de ter seu carango ou motoca com aquele brilho e aspecto de zero, pois bem, seguindo algumas ou todas as dicas abaixo é possível sim manter a pintura com cara de nova.

Proteja a pintura

Assim que o automóvel deixar a concessionária, mantenha-o sempre limpo. O ideal é lavá-lo a cada 15 dias e encerar todo mês. A película de cera protege o verniz, que é a camada que dá brilho á pintura.

Se você é do tipo que gosta de lavar seu carro pessoalmente.

Certifique-se de usar apenas xampu recomendado pelas marcas. Nunca use sabão. Ele tem muita soda, que ataca a pintura.

Muita atenção quando for levar o carro

Para ser lavado em algum estabelecimento. A lavagem pode ser uma das grandes vilãs da pintura. Se usar produtos abrasivos ou panos sujos de areia, por exemplo, fará mais mal do que bem. Por isso, é importante ter certeza de que a limpeza é realizada da melhor maneira. Recomenda-se a lavagem a seco com vapor. Lavagem a seco com pano úmido estraga a pintura.

Após um ano, é recomendável 

Fazer a cristalização da pintura, também conhecida como espelhamento, que utiliza uma cera especial. Ela garante uma película extra de proteção ao verniz e corrige eventuais imperfeições.

Polimento também pode ser

Um santo remédio para deixar a pintura tinindo, especialmente se você usa o carro todo santo dia. Nesse caso é recomendado uma vez por ano.

Tome mais cuidados no inverno 

A época mais danosa para a pintura. O período seco concentra sobre a carrocerias do veículo grande quantidade de poeira e, nas madrugadas, ainda há o sereno. As chuvas de verão nas grandes cidades ajudam a dar uma limpada nas carrocerias, mesmo que algumas vezes possam ser ácidas.

Inverno ou Verão

O ideal é guardar o veículo em garagem coberta e nunca deixá-lo no sol, que prejudica não apenas a pintura, mas também o interior do carro – raios solares ressecam plásticos e couro. As capas para carros não são a solução ideal, já que o atrito delas com a lataria pode danificar a pintura.

Ao estacionar á sombra 

Ou numa garagem, fique atento a goteias, folhas, seiva de plantas ou a fezes de pássaros. Todos queimam a pintura. O correto é eliminar qualquer sujeira desse tipo imediatamente. Cuidado na remoção, já que as sujeiras podem ter elementos abrasivos que provocam riscos na pintura, como pedriscos e areia.

Closeup image of a hand with a soapy sponge washing a vehicle
Closeup image of a hand with a soapy sponge washing a vehicle

Faça o seu comentário