Site norte-americano, porém, não utiliza fontes próprias para noticiar o falecimento

Segundo o site TMZ, dos Estados Unidos, o líder supremo norte-coreano Kim Jong-un, de 36 anos, morreu na madrugada deste domingo, na Coreia do Norte. O ditador teria falecido após complicações durante uma cirurgia.
 
Segundo o site norte-americano, o ditador foi atendido por uma equipe chinesa para a realização de cirurgia cardíaca, após inflamação de vasos sanguíneos próximos ao coração. O “time” do país vizinho teria sido enviado nessa sexta-feira para tratar do estado de saúde de Kim Jong-un.
 
Na matéria em que noticia a morte do ditador, porém, o TMZ não cita nenhuma fonte própria e usa somente replicações da imprensa internacional. Horas antes, a revista japonesa Shukan Gendai noticiou que Kim Jong-un estava em estado vegetativo pelo mesmo motivo da possível morte.
 
Já a agência de notícias sul-coreana Yonhap noticia a ausência do ditador em um evento público de forte apelo neste sábado. O ditador não teria participado da celebração dos 88 anos do Exército Norte-Coreano, o que voltou a colocar o estado de saúde do líder sob desconfiança. O quadro clínico do líder é assunto desde o fim da última semana.
 
Nenhuma dessas confirmações ainda foram confirmadas pelo governo chinês ou norte-coreano. A última aparição pública de Kim Jong-un foi em 12 de abril deste ano, quando vistoriou aviões militares da Coreia do Norte.
 
Fonte: EM
TMZ

Faça o seu comentário