Como acontece todos os anos a Paroquia Santa Teresinha realizou no dia 13/06, a tradicional Festa Junina onde reuniu centenas de pessoas. Havia Barracas de cachorro quente, doces, Pizza, salgados, pescaria, caldos. A festança foi animada por um conjunto local, logo após foi feito apresentação das Quadrilhas Juninas que alegraram a multidão. A Festa contou com a participação dos membros das comunidades pertencentes a Paroquia Santa Teresinha, que enfeitaram e organizaram a festa. A iluminação foi realizada pela Secretaria de Serviços Públicos da Prefeitura de Seropédica.

O dinheiro arrecadado será utilizado nas obras sociais das Capelas da Paroquia Santa Teresinha

A Paróquia

Antes da criação da Diocese de Itaguaí (1980), a evangelização deste território paroquial era feita pela Diocese de Nova Iguaçu.

A fundação e ereção canônica da Paróquia de Santa Teresinha ocorreu em 1983 decretado pelo Bispo Diocesano Dom Frei Vital João Geraldo Wilderink, O.Carm (in memoriam); ela foi desmembrada da área da Paróquia de Nossa Senhora das Graças situada no Cruzeiro. A igreja conta com 7 Comunidades e 4 Capelas distribuídas pelo Município de Seropédica, nos bairros de Boa Esperança, Fazenda Caxias, Parque da Serrinha, Santa Sofia, São Miguel e Cabral.

Em 1997, Seropédica tornou-se município independente de Itaguaí. Seu nome advém de um neologismo formado por duas palavras: uma, de origem latina, sericeo ou serico, que significa seda, e outra, grega, pais ou paidós, que significa tratar ou consertar. Um local, portanto, onde se trata ou se fabrica seda. O perfil atual é de uma extensão da cidade universitária, pois em 1948, a UFRRJ (Universidade Federal Rural) transferiu seu campus para as margens da antiga rodovia Rio – São Paulo, hoje BR-465, daí iniciou o desenvolvimento urbano de Seropédica. Embora a UFRRJ não esteja dentro do território paroquial, mas nas suas fronteiras, um grande número de universitários residem aqui e os que são católicos participam das missas na Igreja Matriz. A realidade sócio-cultural e econômica da Paróquia é muito diversificada. Geograficamente ela esta situada no sudeste do Estado do Rio de Janeiro.

Atualmente, Dom José Ubiratan Lopes é o bispo desta Diocese, desde o ano 2000.

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 72 73 74 75 76 77 78 79