UFRRJ DE SEROPÉDICA É BICAMPEÃ DO JUNFRI

Sucesso de público, ginásios e festas lotadas, disputas eletrizantes e muita, mas muita animação. Assim pode ser resumida a 8ª edição do JUNFRI (Jogos Universitários Friburguenses), realizada entre os dias 12 e 15 de novembro, em Nova Friburgo. Durante os quatro dias de jogos, cerca de 1000 estudantes de 16 universidades (dessas, 10 vindas de fora de Nova Friburgo) duelaram em disputas de tirar o fôlego em sete modalidades: futsal, basquete, cabo de guerra, natação, vôlei, handebol e tênis de mesa.

Como todos os anos, além das premiações para os vencedores de cada modalidade, tanto no masculino quanto no feminino, o JUNFRI também premia o campeão geral dos jogos. Na edição 2016 esse título ficou mais uma vez com a Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, que além de diversos títulos, esteve presente em pelo menos uma das decisões em cada modalidade disputada.

O JUNFRI 2016 contou com a participação de estudantes universitários da UFF (Friburgo), Uerj (Friburgo), Estácio (Friburgo), Ucam (Friburgo), Cefet (Friburgo), Unopar (Friburgo),UFF (Macaé), Estácio (Petrópolis), Unifeso (Teresópolis), UCP (Petrópolis), Uenf (Campos), Rural (Seropédica), Uerj (Rio de Janeiro), Unirio (Rio de Janeiro), UFF (Niterói) e UVA (Cabo Frio).

Nos três primeiros dias de jogos, o JUNFRI foi realizado simultaneamente em cinco locais de competição: Ginásio Helena Deccache – Friburguense (Olaria), Adhemar Combat (Olaria), GPH (Cônego), Colégio Estadual Canadá (Olaria) e Aquafitness (Centro).

OS RESULTADOS

Cabo de Guerra

Uma das disputas mais animadas do JUNFRI é no cabo de guerra. Na edição 2016 a final feminina foi disputada entre Rural e Uerj Rio, com vitória das cariocas. Já no masculino a decisão foi entre Unifeso Teresópolis e Uerj Rio. Diferente do feminino, no masculino o título não ficou com os cariocas. Quem levou a melhor e gritou mais alto no final foi a Unifeso.

Tênis de Mesa

Uma das grandes novidades do JUNFRI 2016 foi a disputa no tênis de mesa, única modalidade estreante na edição deste ano dos jogos. No feminino, a final foi entre UCAM Friburgo e Estácio Petrópolis, com vitória das petropolitanas. No masculino, Rural e Uerj Rio fizeram a final que terminou com vitória da Rural. Já na disputa de duplas a Rural de Seropédica também ficou com o título.

Basquete

Na disputa do basquete as hegemonias foram mantidas, tanto no feminino quanto no masculino. Entre as mulheres a final foi entre UVA Cabo Frio e Rural. O título ficou com as meninas da Rural de Seropédica, que conquistaram o tricampeonato na modalidade. Já entre os homens a decisão foi entre Estácio Friburgo e UCAM Friburgo, com vitória para a Estácio, que também conquistou o tricampeonato.

Vôlei

O vôlei foi uma das modalidades em que o nível de desempenho das equipes mais se elevou em comparação à edição do JUNFRI de 2015. No feminino Estácio Friburgo e Rural fizeram a final. A vitória ficou com a Rural por 3 sets a 0. Já no masculino Uerj Rio e Rural fizeram uma das finais mais disputadas do JUNFRI 2016. Após uma partida que duro cerca de 1 hora e meia, a Rural levou a melhor por 3 sets a 1 e ficou com o título também no masculino, garantindo a dobradinha de Seropédica no vôlei.

Handebol

O handebol é outra modalidade que sempre promove grandes jogos no JUNFRI, e na edição 2016 não foi diferente. Entre as mulheres, UCP Petrópolis e Uerj Rio fizeram um jogo repleto de emoção, que terminou com vitória das petropolitanas. Já entre os homens outro jogo incrível. No duelo entre Uerj Rio e Rural quem levou a melhor foram os cariocas, que alcançaram a vitória após um jogo cheio de viradas.

Futsal

O futsal talvez seja a modalidade mais disputada e esperada de todas as edições do JUNFRI. Na decisão das mulheres, a partida foi entre UFF Friburgo e Rural. Após um jogo brigado até o último segundo, as meninas da UFF Friburgo venceram por 1 a 0 e ficaram com o título. Já entre os homens a ‘surpresa’ já começou com a formação da final, inédita entre todas as edições do JUNFRI, e sem a presença da Estácio Friburgo, maior campeã da modalidade. No duelo entre UVA Cabo Frio e a estreante Unopar Friburgo, o placar ficou em 1×1 no tempo normal. Na decisão por pênaltis a Unopar venceu por 3×1 e ficou com o título.15241992_1197128210380911_1776422507552357446_n 15230632_1197127917047607_8361819351417360574_n 15230541_1197128407047558_3756455883987368449_n 15220225_1197127800380952_2339123266838841875_n 15203391_1197128250380907_6050760178768660902_n 15202559_1197127610380971_5575536154596565527_n 15193543_1197128047047594_243744165404773876_n 15193525_1197127950380937_1842338085824706702_n 15193488_1197128707047528_745179765528387239_n 15171107_1197127717047627_5568407710121526588_n 15171107_1197127717047627_5568407710121526588_n-2 15170911_1197128653714200_4122692241987525634_n 15170843_1197127727047626_6299779790338972283_n 15135824_1197128677047531_230834189970059821_n

 

The following two tabs change content below.

Luiz Calderini

Edição de matérias sobre Seropédica e atualidades.

Comentários