Você já agradeceu a Deus hoje?

A sociedade carece de pessoas que sejam gratas. Pessoas que não vivem reclamando de tudo, mas que param pra agradecer aquilo que possuem. Independentemente da circunstância que estamos vivendo, sempre haverá algum motivo para agradecer.

Você possui vestes? Esta calçado?  Já fez pelo menos uma refeição hoje? Está respirando sem ajuda de aparelhos? Esta se locomovendo com facilidade? Tem uma cama e um teto? Então!  Motivos fundamentais para que vivamos agradecidos.

Mas aí você me diz: João, eu não possuo vestes. Estão todas rasgadas; hoje eu não fiz nenhuma refeição, sabia?; João,  estou me utilizando de aparelhos para andar e preciso sempre de alguém para me conduzir; João, eu durmo no chão e meu teto está com goteiras, e aí? Eu tenho algum motivo para agradecer?

Sim. Você tem. Embora as circunstâncias estejam difíceis você está com vida. Você pode tentar e ir tentando. Há esperança. Há oportunidades que virão. E aquelas pessoas que não acordaram hoje?  E aquelas pessoas que fatalmente perderam suas vidas de modo triste e fatídico?

Pois é. E é neste ponto que quero chegar. A gratidao revela que amamos a vida e que a valorizamos. Quem apenas reclama e murmura não dá o real valor a vida. Mas quem tem o espírito de gratidão consegue aproveitar toda e qualquer oportunidade e não se desanima. Ela sabe que enquanto há vida, há esperança. Então, o espírito de gratidão faz com que nos tornemos mais otimistas com o mundo.

O salmista Davi, estava passando por um momento terrível. Muita agonia e tristeza. Ele estava com angústia. Depressão mesmo. Ele chegou a dizer no Salmo 116 que sua alma estava caída como que grilhões do inferno estivessem lhe aprisionando. Estava angustiado. No entanto, ele parou, pensou, fez uma análise introspectiva e concluiu que deveria ser grato. Ele percebe que deveria agradecer pelo que ele já teve de bom e pelos dias que ele viveu feliz. Ele olha para os céus e diz:

” Bendize ó minha alma ao Senhor, e não te esqueças de nenhum dos teus benefícios”. Salmo 103

Que maravilha! Ele sabia que precisava ser grato pelas coisas que já teve para que outras novas surgissem. Entendeu? Para que coisas novas apareçam na sua vida, para que novas oportunidades aconteçam, passe a ser grato pelas coisas já recebidas. Deus se alegra com um coração grato, ao passo que se entristece pelo coração murmurador.  E realmente, que cosia chata é gente que só reclama!

Bom, que possamos reconhecer todas as oportunidades que temos tido. Que possamos ser gratos por tudo de bom que já vivemos. Vamos parar de reclamar. Sejamos felizes. Deus tem coisas boas para nós lá na frente. Mas para que avancemos, temos que reconhecer as coisas que já estão ao nosso redor.

Um abraço do João Marques, Deus nos abençoe!

The following two tabs change content below.
Escritor, teólogo, trompetista, psicanalista e pregador do Evangelho. Amante da Literatura e da Filosofia. Apaixonado pelas Escrituras. Casado e membro da Igreja Cristã Unidade da Fé. Matérias relacionadas à religião, Igrejas Evangélicas, espiritualidade e atualidades.

Latest posts by João Marques (see all)

Comentários