Empresa criou canais de relacionamento que permitem envio de fotos e documentos

Para tornar o atendimento ao consumidor mais rápido e eficiente, a Rio+Saneamento investiu em tecnologia e adotou ferramentas que garantem a otimização dos seus canais disponíveis para solicitações de serviços e cadastramento. No Dia do Cliente, comemorado nesta quinta-feira (15/09), a concessionária já contabiliza mais de 60 mil atendimentos realizados pelos canais de relacionamento da empresa.

Por meio do WhatsApp da Rio+Saneamento, o cliente pode pedir a segunda via de conta, solicitar serviços, obter informações sobre abastecimento e aderir à conta digital e ao débito automático. A novidade fica por conta da possibilidade de envio de fotos e documentos pelo aplicativo. O processo permite mais autonomia e agilidade ao consumidor, por exemplo, durante a atualização do cadastramento junto à concessionária.

Num primeiro momento, a conversa do WhatsApp é guiada pela Gabi, a assistente virtual da Rio+Saneamento. No entanto, caso o cliente digite algum dado errado ou tenha dificuldade para prosseguir com a Gabi, ele é automaticamente transferido para um colaborador da empresa.

“Nosso objetivo é construir uma relação cada vez mais próxima e transparente com os nossos clientes. Para isso, investimos na criação de diversos canais e apostamos no uso da tecnologia, como forma de garantir mais comodidade para a população e agilidade na prestação dos serviços. Tudo isso tem gerado um resultado muito positivo no atendimento das solicitações recebidas”, afirma Bernardo Póvoa, superintendente Comercial da Rio+Saneamento.

Além do WhatsApp, a concessionária disponibiliza o aplicativo Cliente Rio+ e o site riomaissaneamento.com.br. Os clientes podem ainda buscar atendimento pelo telefone, no 0800 772 1027 (Região Metropolitana e Interior), e nas lojas físicas em cada um dos municípios atendidos.

Desde o dia 1° de agosto, a Rio+Saneamento é responsável pelo abastecimento de água, e coleta e tratamento de esgoto de 18 municípios do estado do Rio de Janeiro, incluindo 24 bairros da Zona Oeste carioca. Pelos próximos 35 anos de contrato, serão investidos R$ 4,7 bilhões, com intervenções em toda área de concessão.

Municípios atendidos:

Capital: 24 bairros da Zona Oeste

Regional Metropolitana: Rio Claro, Pinheiral, Piraí, Itaguaí, Seropédica, Paracambi e Vassouras

Regional Norte Fluminense: Natividade, São José de Ubá, São Fidélis e Carapebus

Regional Serra Lagos: Carmo, Sumidouro, Macuco, Trajano de Moraes, Bom Jardim e Rio das Ostras