Chuvas deixam 19 mortos e mais de 500 desalojados no estado de São Paulo

0
104

Temporais causaram deslizamentos de terra, transbordamento de rios e alagamentos. Governo de São Paulo anuncia R$ 15 milhões para ajuda às vítimas

As fortes chuvas que atingiram o estado de São Paulo nos últimos dias já provocaram a morte de pelo menos 19 pessoas. O último balanço foi feito na noite deste domingo (30/1) pelo governo estadual e pela Defesa Civil. 

Os óbitos ocorreram nas cidades de Arujá (1), Jaú (1), Ribeirão Preto (1), Francisco Morato (4), Embu das Artes (3) e Vargem Grande (5), O município de Franco da Rocha, onde quatro pessoas já perderam a vida, continua em busca de outros quatro desaparecidos. 
 
Em Vargem Grande, o Corpo de Bombeiros encontrou os corpos das cinco vítimas de uma mesma família que desapareceu depois de ser soterrada pela lama. 

 

O governador João Doria (PSDB) sobrevoou as regiões atingidas e anunciou a liberação de R$ 15 milhões para ajudar as famílias. Cerca de 500 pessoas estão desalojadas devido às chuvas. 
 
Os recursos, segundo o governador, são para atender especialmente as pessoas desalojadas e fornecer auxílio aluguel para as famílias que estão sem casa nessas cidades, além de utilizados também para reparar problemas urbanos crônicos dos municípios, que causam transtornos como alagamento e deslizamentos de terra. 
 
A Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros usaram botes e retroescavadeiras no resgate em moradores e vítimas nas cidades atingidas. 
 
Uma das situações mais graves é em Franco da Rocha, onde o Ribeirão Eusébio e o Rio Juquery transbordaram, deixando a área central da cidade toda alagada.

ATENÇÃO! Chuvas deixam 19 mortos, fazem rios transbordarem e alagam cidades  no estado de São Paulo - Repórter Beto Ribeiro
Fonte: Estado de Minas